Me pediram dicas sobre como lidar com ansiedade, e se vale um apontamento essa ideia de 5,10 ou 500 dicas é uma idiotice, e isso vai contrariar tudo que dizem pra gente fazer na Internet.

Bora pensar um cadinho? 
A pessoa que sofre de ansiedade ou depressão por exemplo e que são onde mais se encontra esses posts de dica, já tem muita angústia, já tem muita expectativa, já tem um mundo de coisas pra dar conta certo?

Quando um profissional de Psicologia fala sobre Psicologia o que se espera é que ele tenha propriedade sobre o que diz, e aí vão entrar muitos processos conscientes e inconscientes aqui que levam as pessoas a tomarem já como uma certa verdade o que tá sendo dito.

Pois bem, vamos supor que uma pessoa ansiosa se depara com um post ” 5 dicas pra lidar com a ansiedade” e ao tentar seguir as dicas elas não funcionem pra ela. Qual a probabilidade maior, de que a pessoa culpe as dicas ou de que se culpe/frustre/angustie e de alguma forma mesmo que momentaneamente aumente sua ansiedade! O mesmo vale pra depressão ou qualquer outra coisa.

Quando a gente produz um conteúdo desse, eu espero muito que a intenção seja das melhores e que talvez até algumas pessoas se beneficiem disso,mas isso acarreta dois problemas na minha visão.

O primeiro é que reforça a ideia de que Psicólogo fica aconselhando os outros e o segundo é justamente gerar esse sofrimento psíquico mesmo que sendo efeito colateral.

A função do psicólogo é acima de tudo amenizar o sofrimento psíquico de alguma forma. Os posts de “dicas” são os que mais tem visibilidade pq tornam a Psicologia algo tangível, algo prático pro sujeito levar pra vida.
Mas quando vc faz isso vc não tá usando algo pensado pra vc, como deve ser o processo psicoterapêutico.

Quando eu te dou um recorte de algo que teoricamente funciona pra todo mundo eu não vou estar olhando pra vc como sujeito individual e único. Eu não vou estar considerando a sua história como forma de te ajudar a ser melhor. E pra mim não tem Psicologia sem isso.

Porra, tá querendo cagar regra prós outros? Eu não, longe de mim mas acho que dá pra ser mais responsável com o poder que a gente tem pq com grandes poderes vem grandes responsabilidades.

Como eu dizia, existe uma responsabilidade grande sobre o que psicólogo expõe, pois quem vai ter contato com isso não necessariamente vai fazer o melhor juízo de valor sobre como utilizar.

Simplesmente postar um meme,um post de dicas, uma frase de auto ajuda sem promover REFLEXÃO não é FAZER NADA em benefício da psicologia ou de quem tem contato com isso, muito pelo contrário pois vc acaba reforçando um espaço que qualquer um pode fazer e se passar por psicólogo.

Isso é uma mercantilização da psicologia, ao meu ver de uma maneira equivocada, que contribuiu tanto pra propagar esteriótipos negativos sobre nossa prática quanto pra alimentar a necessidade de respostas instantâneas que a sociedade atual impõe.

O trabalho psicoterapêutico é algo trabalhoso, a gente tem que mexer em muita coisa que é desagradável pra caramba. Mas se eu fico aqui só dando resposta sem refletir até chegar nelas, que bem que eu tô fazendo? Psicologia não é auto ajuda e Psicologia não é coach… A melhor maneira de lidar com seja o que for é sentando na frente de um psicólogo competente pra te ajudar como dar conta disso. E como dizia minha avó: Se conselho fosse bom, ninguém dava vendia… Óbvio que é só minha opinião, ninguém é obrigado a concordar até pq vai na contramão das estratégias de marketing pra Psicologia, mas se a gente for seguir o que vale pra todo mundo a gente se perde de si mesmo.

#psijunguiana#psicologiaanaliticajunguiana
#psi
#psianalitica

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: